Resenha: Misery

2016-10-24-09.47.03-1.jpg.jpg

‘’E Misery, espantada, compreendeu duas coisas ao mesmo tempo: a mulher não era uma cigana, e as duas já não estavam sozinhas na tenda. ’’

Paul Sheldon é um escritor, e sofre um acidente de carro, a história se inicia com Paul acordando após o acidente, ele tenta lembrar o que houve, onde está e aí surge Annie sua fã número um, cuidando dele, ao lado dele, durante os dias ele percebe que Annie não é só uma fã do seu trabalho, que o resgatou e acolheu apenas por bondade em seu coração, e sim uma mulher com transtornos e mais ainda, obcecada pela sua obra de maior recorde de vendas ‘Misery’.

2016-10-24-09.47.10-1.jpg.jpg

‘’Ele gritou e tentou se virar com as pernas ruins. Ela saltou por cima do sofá com força desajeitada, parecendo um sapo albino. Seu uniforme engomado farfalhava alto. Ele achou que o primeiro golpe do machado apenas o tinha deixado sem fôlego – mas ao cair sobre o carpete, sentiu o cheiro do próprio sangue’’

Quando Annie o resgata, ela nota um manuscrito junto dele chamado ‘Carros Velozes’ e ela odeia por não ser sobre Misery (personagem do livro de Paul), e a partir daí obriga Paul a escrever uma continuação que ela goste para Misery, já que ela também odiou a continuação que ele havia acabado de publicar. Vale observar que Paul graças ao acidente não podia andar, ela como ex-enfermeira ‘sabia como cuidar dele’, e o viciou em medicamentos.  Durante o livro conhecemos mais da Annie também, e como uma pessoa em cativeiro é capaz de tudo, mesmo sendo torturada.

‘’Não era Annie, pois Annie não era uma deusa, afinal, mas sim uma dona louca que o machucara por suas próprias razões. ’’

Vamos falar da ideia genial de escrever um livro sobre um escritor escrevendo outro livro?? King né mores, ele consegue mostrar uma Annie racional e uma Annie completamente insana, e o mesmo com o Paul devido aos seus sofrimentos, em alguns momentos ele não sabe mais o que está acontecendo, o final desse livro foi magnifico, louco e sangrento, simplesmente mais um livro maravilhoso do King que com certeza vale a pena você ler!

‘’Aquela era uma pergunta que ele não ousava responder. Ele se curvou sobre o teclado outra vez e recomeçou a bater nas teclas…porém mais gentilmente agora.’’

23 thoughts on “Resenha: Misery

  1. Esse livro é incrível! King é perfeito né, mas esse livro me deixou de queixo caído!
    Adoro quando vejo alguém que leu e gostou também! Ótimo post, bjos

    Like

  2. Que resenha incrível menina, fiquei apaixonada e realmente adoraria ter a oportunidade de realizar a leitura, Stephen King é um mestre e tanto para mim ❤
    Abraços

    Like

  3. Menina, essa foto ficou sensacional. Nunca li esse livro e só recentemente é que descobri o quanto minha infância foi marcada pelas histórias do autor, numa postagem que mostrava os livros que foram adaptados ao cinema. Eu lembro de ter assistido ao filme deste livro, quando era mais jovem, fiquei bem assustada com aquela mulher rsrsrsrss

    Like

  4. Linda eu sou completamente apaixonada por esse livro, nunca tive oportunidade de ler, mas está entre os meus queridinhos da fila, King sempre arrasa né.
    Abraços

    Like

  5. Oi, tudo bem? Amei a sua resenha e as fotos estão incríveis. Confesso que não li nenhuma obra desse autor, mas só ouvi maravilhas. Vou remediar isso e começar o quanto antes. Beijos

    Like

  6. Ótimas fotos! Posso postar no meu IG (com créditos, claro). Adorei resenha também. Sou super fã de SK e adoro quando vejo mais gente conhecendo. Misery é mesmo uma das obras mais surpreendentes dele. Já viu o filme? Recomendo. Kathy Bates arrasou.

    Like

    1. TO LOUCA PRA VER O FILME HAAA, mas ainda não tive tempo </3 CLARO QUE POODE, deixa o link aqui pra eu ver sua resenha também? ❤ hahaha

      Like

  7. Li apenas “O iluminado” do King e hoje é a segunda resenha que leio apresentando duas obras dele. Fiquei imaginando as torturas infligidas ao Paul Sheldon por essa Annie!! Minha lista está aumentando.
    Beijos!

    Like

    1. simm, entendo, mas tem livros dele sem nada de terror e etc, Joyland e é bem fininho, li em uma noite.

      Like

  8. Eu adoro esse livro, está no top 10 dos livros do tio king que eu já li. Parabéns pelo post.
    Abraços
    pontoparaler.com.br

    Like

  9. Oie, que resenha legal.
    Eu estou começando a amar King e esse livro me deixou super curiosa.
    Gosto da escrita e quero saber mais.
    Já adicionei a listinha e vou conhecer Annie e Paul.
    Beijinhos.

    Like

  10. Não li este livro ainda, mas só mesmo King para escrever sobre um autor que está escrevendo um livro e ainda colocá-lo em um situação tão sinistra como esta. Imagine senão fosse uma fã…
    Bjs

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s